No Dia do Tropeirismo, Sorocaba concede título de cidadão ao deputado Caramez

Em sessão na Câmara Municipal de Sorocaba em comemoração a Semana do Tropeirismo e o Dia Municipal do Tropeirismo, o deputado estadual João Caramez recebeu, dia 28/05, o título de cidadão sorocabano, iniciativa do vereador Luis Santos. 

“Concedemos o título ao deputado Caramez pelos serviços prestados ao desenvolvimento do turismo na região. Ele é autor da lei que criou 140 municípios de interesse turístico e apoiador do tropeirismo em todo o estado”, disse o vereador que leu o documento aprovado na audiência pública sobre a “Regionalização do Turismo”, realizada na Fazenda Ipanema, sob sua presidência e a coordenação da Frente Parlamentar para Desenvolvimento do Turismo de Sorocaba e Região.

O documento solicita ao Governo do Estado: apoio à implantação de trem turístico entre Sorocaba e Votorantim e Sorocaba a Boituva, com estações na Fazenda Ipanema e Iperó; celeridade quanto à implantação do trem inter-regional entre a capital e Sorocaba; apoio ao consórcio intermunicipal para trens turísticos; mais efetividade nas ações de proteção no entorno da Fazenda Ipanema e nas áreas remanescentes de Mata Atlântica; pavimentação do acesso ao sítio histórico da Fazenda Ipanema; fortalecimento das associações ligadas ao tropeirismo, às tradições ferroviárias e à gastronomia regional; realização de estudos técnicos para reativação do ramal ferroviário de Itapeva a Itararé.

Caramez agradeceu o Título de Cidadão e falou da honra em recebê-lo na Semana do Tropeiro. “Para mim não poderia existir momento mais gratificante, afinal são duas situações importantíssimas: eu me torno filho de Sorocaba, o berço do tropeirismo, e isso juntamente com a família tropeira de São Paulo”, afirmou. “Nesses 42 anos de vida pública, tenho procurado levar o legado de meu pai, que não era sorocabano, mas era um grande ferroviário, da Sorocabana”, acrescentou o parlamentar que levará ao governador as reivindicações do setor.

Apresentações do Madrigal da Família com músicas da cultura tropeira (com sanfona e berrante) e do Grupo Tropeirinho do Rancho (jovens dançando catira) integraram a solene que contou com a participação do capitão Alexandre Matos, representando o comandante do CPI-7, coronel Antonio Valdir Gonçalves Filho; vereador Luiz Mori, de Guaratinguetá; vereador Sergio Luis Bueno, de Cerquilho; vereador Marcelo Nunes, de Ribeirão Grande; Marcio Assad, diretor de Turismo do município de Lapa, no Paraná; Orailson Pereira, do Movimento Tropeiro de Sorocaba; e Edson Nogueira, da Associação Cultural de Tradição Tropeira de Iperó e Região.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *