Caramez coordena reunião da FPAM no XV Encontro de Mineradores e Consumidores

            A Frente Parlamentar de Apoio à Mineração (FPAM) participou quinta-feira, dia 12, do XV Encontro de Mineradores e Consumidores “Mineração: Presente e Futuro- Uma Visão dos Órgãos Públicos e do Setor Produtivo”,na sede do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), na Cidade Universitária, São Paulo. A reunião, que fez parte do encerramento do XV Encontro de Mineradores e Consumidores, foi dirigida pelo coordenador da FPAM, o deputado estadual João Caramez, e contou com a presença do vice-presidente da Associação Brasileira de Cerâmica (ABC), Antonio Carlos de Camargo, e dos integrantes dos Grupos de Trabalho da Frente.
            Na reunião, o coordenador João Caramez falou das atividades da FPAM, que vem atuando para dar sustentação política à mineração paulista, com o objetivo de contribuir para o seu desenvolvimento estratégico e sustentável e, com isso, garantir o suprimento seguro dos recursos minerais necessários à população. “A Frente Parlamentar de Apoio à Mineração já apresentou vários resultados, como a efetivação de medidas que foram discutidas no âmbito dos seus grupos de trabalho”, disse o deputado que, na seqüência, passou a palavra para os coordenadores dos grupos de trabalho apresentarem as ações realizadas pela Frente e o calendário de atividades para 2009.
            Fizeram suas colocações os coordenadores Fernando Valverde (Grupo de Trabalho do Órgão Gestor), Tasso de Toledo (Grupo de Trabalho de Políticas Ambientais e Licenciamento), Osmar Masson (Grupo de Trabalho de Política Tributária) e Erasto Boretti de Almeida (Grupo de Trabalho de Comunicação e Imagem da Mineração).
            Concluindo o tema, Caramez destacou o anseio da Frente em se transformar em um fórum permanente de debates que favoreça o diálogo entre produtores, consumidores, agentes públicos, representantes de órgãos reguladores e de fiscalização, ambientalistas, trabalhadores, consumidores e parlamentares.
A reunião teve ainda a apresentação dos efeitos da crise econômica mundial no setor da mineração, ocasião em que o coordenador do Grupo de Trabalho de Políticas Ambientais e Licenciamento, que também é representante do Comitê da Cadeia Produtiva da Mineração da Fiesp/Comin, Tasso de Toledo, mostrou os números do desempenho de itens como água mineral, areia e brita, calcário, cimento e refratários. Além disso, Toledo apresentou algumas sugestões anticrise para o setor mineral.
          Ao final do encontro, a autora do livro “Código de Mineração de A a Z”, professora Eliane Pereira Rodrigues Poveda, fez o lançamento de sua obra, que teve sua primeira tiragem em outubro de 2008.
Erasto Boretti, deputado João Caramez e Tasso de Toledo durante reunião da FPAM no IPT

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.