Caramez pede ao Governo do Estado extensão da linha de trens até Sorocaba

O deputado estadual João Caramez solicitou ao Governo do Estado de São Paulo, por meio de indicação, que seja priorizada a ligação ferroviária São Paulo/Sorocaba, dentre os projetos a serem desenvolvidos pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos.

            O pleito do parlamentar, que há anos tem lutado por melhorias no transporte público da região metropolitana de São Paulo, se baseou no Decreto nº 55.564, assinado em março pelo governador José Serra, que possibilitará o restabelecimento do transporte regular de trens de passageiros entre a capital e as cidades consideradas pólos regionais, como Sorocaba, São José dos Campos, Campinas e Baixada Santista. O decreto amplia a área de atuação da Secretaria de Estado de Transportes Metropolitanos e contempla a retomada dos trens de passageiros de longo percurso que, desde a década de 60, foram extintos no país.

“Os trens metropolitanos que restaram em São Paulo, hoje estão sendo transformados em metrô de superfície, diante do crescente número de passageiros que se utilizam dessa modalidade de transporte”, afirmou Caramez, acrescentando que a ligação ferroviária São Paulo/Sorocaba possibilitará a diminuição do tráfego da Rodovia Castelo Branco, sobrecarregado por servir municípios bastante populosos, como São Roque, Itapevi, Carapicuiba, Osasco, entre outros, e que serão beneficiados com essa nova alternativa de transporte. A integração com a Linha 8-Diamante (Amador Bueno-Itapevi/Júlio Prestes) que, além de estar sendo modernizada, receberá mais 36 novos trens, foi também um dos argumentos utilizados pelo deputado para justificar sua solicitação.

Para Caramez, o decreto do governo paulista, além de resgatar o tempo em que as viagens de trem faziam parte do cotidiano, possibilitará a redução do número de veículos trafegando pelas estradas e vias públicas e a conseqüente diminuição dos congestionamentos e da emissão de gases de efeito estufa, com melhoria da qualidade de vida da população.

Novo trem da CPTM
Novo trem da CPTM

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.