CPI da Eletropaulo vai ouvir Trevisan

         A CPI da Eletopaulo aprovou requerimento do deputado João Caramez convocando o consultor Antoninho Marmo Trevisan para prestar esclarecimentos sobre o processo de venda da concessão da Eletropaulo, especialmente a questão do preço. A solicitação foi feita nesta quinta-feira, 20/12.            
         “Tenho convicção de que o preço estava correto, mas quero que haja transparência. Como consultor, Trevisan participou dos estudos que levaram ao estabelecimento do preço mínimo pela concessão e, por essa razão, o seu depoimento é importante”, afirmou o deputado.
         Caramez, que é relator da CPI, também teve aprovado requerimento para que a AES Eletropaulo preste esclarecimentos sobre a composição das tarifas de energia elétrica para o consumidor. E justificou o seu requerimento:
         “Queremos saber quantos foram os aumentos de tarifa desde a privatização, quais são os critérios para os reajustes, como a tarifa cobrada em São Paulo se compara com a média nacional e se os aumentos foram efetuados de acordo com as exigências da ANEEL”.
         Caramez também requereu que a AES Eletropaulo forneça informações sobre a cobrança da contribuição para o custeio de iluminação pública na Região Metropolitana de São Paulo.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.