Fórum de Itapevi deverá ser inaugurado em Agosto

     O secretário de Justiça e Defesa da Cidadania, Luiz Antonio Marrey e o deputado estadual João Caramez (PSDB) receberam na manhã de terça-feira, 15/5, a prefeita de Itapevi, Ruth Banholzer (sem partido). A audiência teve como objetivo marcar definitivamente a inauguração do novo fórum itapeviense, recém-construído no Jardim Santa Rita. A transferência acontecerá, possivelmente, em agosto.
     Tanto o deputado quanto a prefeita já vinham cobrando do governo paulista maior agilidade na mudança do fórum, que funciona atualmente no bairro do Itaqui. Em janeiro, Caramez se reuniu com Marrey para tratar do assunto e no mês seguinte com o desembargador Celso Luiz Limongi, presidente do Tribunal de Justiça. “Essa é uma reivindicação antiga da nossa cidade e com a inauguração do novo prédio a população terá mais opções de acesso, o que trará mais conforto e rapidez aos moradores”, explicou o parlamentar.
     A prefeita questionou o secretário sobre a demora e deu a entender que o governo estaria fazendo algum tipo de manobra para adiar a inauguração. “Cheguei a imaginar que o governo, por meio, da secretaria, não tivesse mais interesse em colocar o fórum em funcionamento. Há mais de sete meses o prédio está pronto”, disse Ruth.
     “Prefiro entender essa colocação como uma figura de linguagem, porque a nossa secretaria tem total interesse na inauguração do Fórum. Além disso, só posso falar pelos últimos quatro meses já que esse é o tempo de atuação do novo governo”, rebateu o secretário.
     Segundo Marrey, a demora na inauguração foi decorrência de algumas exigências feitas pelo Tribunal de Justiça para dar mais segurança ao prédio. “Vamos ter que instalar algumas grades de segurança e ainda precisamos de mais algumas semanas para finalizar algumas questões operacionais”.
     Ronnie Soares, juiz-assessor do Tribunal de Justiça, que também acompanhou a audiência confirmou que o adiamento da inauguração aconteceu em consequência de exigências do Tribunal. “Tanto a prefeitura como a secretaria cumpriram suas obrigações, mas ainda assim, nós entendemos que algumas obras adicionais seriam necessárias para melhorar a segurança do prédio. Pensamos inclusive na instalação de um posto da Polícia Militar no local”, acrescentou Soares.
     Segundo o juiz-assessor, após a colocação das grades, a companhia telefônica ainda precisa fazer a instalação de todo o cabeamento de informática e isso demora em média cerca de 60 dias.
     “Acredito que essas pendências serão resolvidas até 31 de julho. Portanto, já podemos definir que a inauguração acontecerá em agosto”, concluiu Marrey.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.