Multiplicadores da consciência ambiental

Nas últimas semanas, os veículos de comunicação divulgaram sistematicamente notícias sobre o rio Tietê por conta do seu dia, comemorado anualmente em 22 de setembro, e que tem justamente como objetivo chamar a atenção da sociedade e dos poderes públicos para a importância do Tietê.
           Além de ações de protesto contra a poluição do rio na região metropolitana e comemorações festivas no interior do Estado, tivemos, nessa data, debates e várias outras atividades voltadas à utilização e à preservação desse nosso patrimônio natural, como a Jornada Comemorativa à Semana do Rio Tietê, que realizamos na Assembléia Legislativa, através da Frente Parlamentar das Hidrovias, da qual sou coordenador.
Com um trabalho que envolve a participação da sociedade organizada, a Frente Parlamentar das Hidrovias tem desenvolvido inúmeras ações para o incremento da hidrovia para o transporte de cargas e passageiros, diante dos inúmeros benefícios que proporciona. Além da redução do custo do transporte e dos congestionamentos urbanos, a hidrovia contribui sensivelmente para o meio ambiente, com maior eficiência energética, menor consumo de combustíveis e baixa emissão de gases poluentes.
 Promover a hidrovia é colocar em pauta, especialmente, a Hidrovia Tietê-Paraná que tem hoje mais de 2.400km, sendo 800 km no rio Tietê. E falar em Rio Tietê é trazer ao debate a situação do nosso rio: de águas cristalinas em sua nascente e de grande vitalidade no interior do Estado, mas que se encontram, ainda, muito poluídas ao cruzar a capital, sobretudo, em função do lixo urbano.
 Por conta disso, durante a Jornada Comemorativa da Semana do Rio Tietê, em que agentes públicos e privados debateram a questão, reservamos o maior espaço para a participação dos jovens, os grandes multiplicadores da consciência ambiental.
Foram mais de 500 alunos da rede estadual de ensino, que visitaram a Assembleia Legislativa, para conhecer um pouco do trabalho parlamentar e a importância do rio Tietê. Os alunos assistiram a seminários, apresentaram trabalhos educativos, discutiram as ações do poder público que estão sendo feitas para combater a poluição do Tietê na Região Metropolitana e visitaram a exposição Tietê-Paraná, do projeto Tietê nas Escolas, desenvolvido pelo Departamento Hidroviário do Estado.
O interesse pelo tema foi tanto, que decidimos ampliar a Jornada Comemorativa, levando o debate e a exposição para outras cidades. A mostra passou por Itapevi, sendo vista por mais de três mil pessoas no shopping center da cidade; por Jandira, onde ficou em exposição para centenas de alunos da Faculdade Eça de Queiroz; e em Carapicuíba, no Campus da ETEC/FATEC (Escola e Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo), onde poderá ser vista até o dia 30 de outubro não só pelos alunos mas também pelo público em geral.
Por meio destas atividades conseguimos mobilizar milhares de pessoas com um objetivo comum: discutir o uso múltiplo dos recursos hídricos e conscientizar a população sobre a importância da hidrovia para o transporte de cargas e a necessidade de preservar nossos rios.
A sociedade como um todo é responsável pela preservação ambiental e os mais jovens têm em suas mãos o grande desafio de adotar comportamentos diferentes da nossa geração, que foi uma das principais responsáveis pelos danos causados ao meio ambiente, responsáveis pelas mudanças climáticas que tem ameaçado todo o nosso planeta.
Pequenas ações individuais fazem uma grande diferença no saldo final. Uma atitude muito simples e que faz uma diferença enorme na preservação dos nossos rios é não jogar lixo nas ruas. Todos os dias, as águas do Tietê recebem toneladas de sacolas plásticas, garrafas, latas e outros tipos de lixo abandonados por moradores nas vias públicas.
Esta atitude, muitas vezes inconsciente, de grande parte da sociedade é responsável por cerca um terço da poluição acumulada no rio. E somente a conscientização, por meio do debate e da divulgação, será capaz de eliminar este hábito.
E nessa jornada nossos maiores aliados são as crianças e os jovens que com a sua criatividade, energia e vontade de aprender são, sem sombra de dúvida, os grandes multiplicadores desta consciência ambiental.
     Deputado Estadual João Caramez
                                 Coordenador da Frente Parlamentar das Hidrovias

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.